Cães, Gatos, Saúde e Bem Estar

4 dicas para cães e gatos com diarreia

Quadros de diarreias em pets são bastante corriqueiros na rotina clínica.

Esses quadros podem se apresentar em diferentes graus, desde uma diarreia mais leve até uma diarreia grave, muitas vezes com sangue.

É importante salientar que as diarreias moderadas e graves devem ser investigadas por um Médico Veterinário. Pode ser essencial a realização de exames de sangue e de fezes do animal.

Mas no caso de diarreias mais leves, algumas coisas podem ajudar a cuidar do animal em casa mesmo. Pode ser aquela diarreia de algo que o cão ou gato comeu do lixo ou mesmo a diarreia de uma indisposição intestinal. O ponto principal é: se o animal tem diarreia, ele está desidratado e os intestinos estão inflamados.

#DICAZEN #1: JEJUM
Esse é um ponto essencial. Os intestinos estão inflamados e precisam descansar. Se o animal continuar a se alimentar, só vai agravar o quadro. Geralmente, animais com diarreia fazem jejum por conta própria, mas alguns deles podem continuar se alimentando. Dessa forma, retire o alimento dele por umas 8 horas. Quando for voltar a fornecer alimentos, forneça um alimento leve, de fácil digestão. Uma receita que pode ser dada é o peito de frango sem pele e cozido misturado ou com arroz cozido ou batata cozida. A proporção é 2 partes de arroz ou batata para uma parte de peito de frango desfiado. Forneça em pequenas quantidades, um pouquinho a cada 1 hora. Se o animal ingerir uma grande quantidade de alimento, o quadro irá piorar.

#DICAZEN #2: GATORADE CASEIRO PARA CÃES E GATOS
Eu ensino a fazer essa bebida no meu canal no YouTube (“Como fazer Gatorade Soro Caseiro para Cães e Gatos | Dr. Edgard Gomes”). É até possível dar o soro caseiro para humanos – aquele com água, açúcar e sal – mas ele não é a melhor opção para os pets.

Esse Gatorade da receita é super natural e vai reidratar o animal e repor minerais e aminoácidos. Ele pode ser feito em grande quantidade, nesse caso, ele deve ser colocado em copinhos e guardado no congelador por até 6 meses. É bom ter sempre uma reserva dele no congelador, caso o animal apresente esse problema.


#DICAZEN #3: PROBIÓTICOS
Probióticos são bactérias boas para o intestino. Quando tomamos aquele leite fermentado com Lactobacilos, estamos tomando um probiótico, são bactérias que vão ajudar na nossa digestão, produzir vitaminas, etc.

Imagem relacionada
Ilustração de Kefir de Leite

Um animal com diarreia acaba perdendo muitas bactérias boas e o equilíbrio deve ser reestabelecido.

Uma forma bem fácil de dar probióticos é com o Kefir (uma colher de sopa para cada 5 kg de peso em cães ou para cada gato).

Outra opção boa são os vegetais fermentados, mas os gatos geralmente não os aceitam. Existem vários vídeos com receitas de vegetais fermentados no YouTube. Lembre-se apenas que não se pode acrescentar cebola ao prepará-los para os pets.

 

#DICAZEN #4: PREBIÓTICOS
Eles são substâncias que alimentam as bactérias boas do intestino. Assim, atua-se em duas frentes: damos bactérias boas e damos o alimento para elas crescerem ainda mais.

Foto Reprodução

Exemplos de prebióticos são maçã (sem semente), banana e levedo de cerveja.

Pra finalizar, um ponto super importante: diarreia de moderada a severa e/ou persistente: leve seu animal ao Médico Veterinário. Pode ser que seja necessário entrar com uma terapia mais intensiva, usar antibióticos, etc. No mais, as dicas acima vão ajudar bastante.

Mesmo no caso de diarreias mais graves, pode-se iniciar o jejum antes mesmo de levar ao consultório de um Médico Veterinário.

3 comentários em “4 dicas para cães e gatos com diarreia”

Deixe uma resposta